Coluna Música de Filho da Puta: Cavalos – Por Rafael Schwab

entao eu vo contar tudo que eu sei a respeito do assunto cavalos. que bom. cavalos sao um bicho atual porque da pra fazer muitas coisa com ou sem ele.  assim como a maioria dos negócio que existe eles tem a parte da frente, que é a que chega antes, e a parte de tras. a de tras é a que tem um monte de fiozinho pendurado que fica chacoalhando e penteando mosquito. ainda tem a parte de cima e a de baixo  e o certo é a pessoa que executa a galopação ficar em cima pra nao ocorrer acidente… dá pra olhar muito tempo para um cavalo.quem nunca olhou um cavalo eu digo que um cavalo parece um sofá de churrascaria que desmontou por acidente e foi novamente montado as pressas, no escuro, por crianças, chorando, diesel. o que não faz sentido mas que se foda. a alimentação dos cavalo consiste que eles pastam gramas e matinho por aí no mundo em diversos idiomas e eu gosto do barulho que faz quando eles tão comendo. é tao grandioso que da vontade de chamar alguem pra ajudar a gente escutar. um monte de cavalo tavam junto na conquistação das conquista da humanidade mas ninguem lembra deles. coitados. tem lugar que nao deixam ir cavalos por que nao cabe, por exemplo nao dá pra dobrar um cavalo pra carregar no carro. o próprio cavalo é como fosse  um carro. e igual nao se pode dobrar um carro para carregá-lo em um cavalo. ambos são meios de transporte, então é a mesma coisa, só que nao tem nada a vê. pronto. na verdade eu sei bastante mais coisa a respeito porque eu sou inteligente em cavalos mas já ta bom. tomara que voce tenha gostado de aproveitar as informações que eu disse.

 

#cavalos #musicadefilhodaputa #rafaelschwab #schwabrafael #jorle #colunista


Rafael Schwab

Rafael Schwab é de Ponta Grossa e escreve aqui na Jorle em sua coluna Música de Filho da Puta.

Rafael também faz músicaHARA MICHUERBAK | PESAMES | Garrancho em Lápide | O messias por ele mesmo (II) – e arte/colagemFB-Rafael Schwab e no Insta.

Talvez você também goste:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *